Portões automáticos podem ter diferentes sistemas de abertura. No caso, portões automáticos deslizantes e basculantes costumam ser bem comuns. Então, dentre portões automáticos deslizantes versus basculantes qual é a melhor opção?

Para poder estabelecer qual seria a melhor opção dentre portões automáticos deslizantes e basculantes, é fundamental entender como cada um desses portões funciona, além de suas vantagens e desvantagens.

Tipo de portões em relação a abertura

Inicialmente, é importante saber que em relação a abertura, há três tipos diferentes de portões automáticos: basculante, pivotante e deslizante. Vamos ver com mais detalhes cada um deles.

Portões basculantes

São aqueles que abrem para cima, ficando paralelos ao solo. Possuem colunas em ambos os lados, com os contrapesos, justamente para o portão conseguir abrir e permanecer aberto, enquanto o veículo passa.

São ideais para edifícios que não recebem veículos de grande altura, como ônibus ou caminhões, por exemplo.

Como desvantagem, apresentam o fato que necessitam de maior manutenção do que outros tipos e que também limitam a área disponível para passagem do veículo, pela necessidade das colunas.

As polias, porcas e contrapesos necessitam sempre de manutenção atenta e as peças devem ser estar sempre bem lubrificadas. Há lubrificantes específicos, justamente para que a sujeira não fique grudada e o portão emperre.

Vale sempre a pena ver se o projeto está bem feito, com as medidas adequadas, para que os veículos possam passar de forma tranquila pela abertura do portão. Vale lembrar que veículos atuais, mesmo não sendo caminhões ou ônibus, costumam ser mais largos. Por isso, é importante que as medidas para instalação desse tipo de portão estejam precisas.

Portões pivotantes

Já os portões pivotantes abrem como se fosse uma porta, com dobradiças. Ele pode ter uma única folha ou então duas, dependendo da área ocupada pelo portão.

Para esse tipo de portão automático, é necessário maior espaço, principalmente na lateral. Portanto, nem sempre é uma escolha de imóveis, pois, nem sempre há muito espaço disponível.

Eles também necessitam de mais manutenção, visto que são utilizados pivôs, para fazer a sustentação da folha do portão. Muitas vezes, também são necessários dois motores, um para cada folha do portão pivotante.

Portões deslizantes

É considerado o tipo mais comum de portão e também o que tem a manutenção mais baixa. Necessita de um motor. E o portão corre sobre um trilho. Também recebe o nome de “portão de correr”. A manutenção preventiva, no caso desse portão, envolve a limpeza frequente do trilho, sobretudo em regiões em que há muitas árvores perto.

Afinal, folhas e pequenos galhos podem ficar acumulados no trilho, o que pode dificultar a abertura do portão com facilidade. Daí a importância da manutenção preventiva, que deve ser realizada sempre, independentemente do tipo de portão escolhido.

Muitas vezes, imóveis mais antigos já possuem um portão deslizante, com abertura manual e optam pela automatização desse portão.

Por também ter a manutenção mais em conta e não limitar a altura dos veículos, muitos imóveis comerciais acabam escolhendo esse tipo de portão, principalmente em locais em que haverá carga e descarga, por exemplo.

Portões deslizantes versus basculantes: qual é a melhor opção?

Agora que você já sabe quais são os tipos de portões em relação a abertura, vamos falar mais sobre qual é a melhor opção entre portões deslizantes ou basculantes.

E a resposta para isso é, depende. Depende de como é o imóvel que receberá o portão.

Por exemplo, se o seu imóvel fica em conjunto com uma calçada, em que passagem constante de pedestres, um portão pivotante, que abre para fora, pode gerar acidentes.

Afinal, a calçada, para onde o portão abrirá, terá movimentação constante de pedestres, que podem vir a ser atingidos pela folha do portão, no momento da abertura.

Nesse caso ilustrativo específico, um portão deslizante ou basculante representam as melhores opções.

Porém, se além de não poder ocupar muito espaço na calçada, você ainda tem pouco espaço no interior do imóvel, sem dúvida o portão basculante representa a melhor opção.

Já para quem deseja dar uma impressão mais arrojada do imóvel e possui maior área, o portão deslizante pode ser uma ótima escolha, principalmente em imóveis em que não é possível limitar a altura dos veículos que passarão.

Gostou do Assunto? Compartilhe com seus amigos!