Se você está pensando em adquirir um portão automático para seu imóvel, é importante conhecer os diferentes sistemas de abertura em portões automáticos.

Cada um dos diferentes sistemas de abertura em portões automáticos apresenta características intrínsecas. Ou seja, dependendo do tipo de imóvel que você tem, a área disponível e as características dos veículos que transitaram, um dos diferentes sistemas de abertura em portões automáticos será o mais indicado.

Quais são os diferentes sistemas de abertura em portões automáticos?

Vamos, então, descrever sobre os diferentes sistemas de abertura em portões automáticos: suas principais características, vantagens e desvantagens.

De forma geral, há três diferentes sistemas de abertura em portões automáticos: basculante, pivotante e deslizante.

Sistema basculante

No sistema basculante de abertura de portões automático, o portão abre para cima, ficando paralelo ao solo e suspenso.

Esse tipo de abertura é ideal para quem tem pouco espaço para a colocação de um portão, ou seja, para imóveis nos quais não há espaço na lateral, nem à frente.

A desvantagem é que com esse tipo de abertura, o imóvel não consegue receber veículos de muita altura, como caminhões, por exemplo.

Por isso, esse tipo de abertura de portão é mais escolhido para condomínios residenciais, em que caminhões ficam do lado de fora do prédio. Mas, não é um sistema utilizado em imóveis comerciais, que recebem muita carga diariamente.

Outra desvantagem desse tipo de sistema de abertura é que quando se opta por um portão automático com sistema basculante de abertura, é essencial ter o conhecimento que esse portão demanda maior manutenção.

De fato, as engrenagens desse tipo de portão devem estar sempre limpas e lubrificadas para que o portão com esse sistema de abertura funcione adequadamente.

Sistema pivotante

Um portão automático com sistema pivotante abre para dentro ou para fora, como se tivesse dobradiças.

Nesse sistema, é fundamental que haja espaço interno ou externo para que a folha do portão possa abrir, sem correr o risco de atingir algum pedestre ou algum veículo estacionado, por exemplo.

Além disso, é essencial, nesse tipo de abertura, que a manutenção preventiva em portões automáticos seja sempre feita. Afinal, nesse tipo de sistema de abertura, é necessário que o portão esteja com suas estruturas também sempre limpas e lubrificadas.

Sistema deslizante

E no último sistema de abertura de portão automático, o portão se abre sobre um trilho. Esse é o sistema deslizante de abertura.

De fato, esse é o sistema que menos manutenção preventiva necessita, além de ser um sistema mais em conta, quando é feito o orçamento dos diferentes sistemas de abertura de portão automático.

A desvantagem é que nesse sistema também é necessária maior área interna para que o portão consiga executar a abertura. Em geral, é um sistema bastante escolhido por residências maiores e imóveis comerciais, por não limitar a altura, como é o caso do sistema basculante, por exemplo.

Como escolher entre os diferentes sistemas de abertura de portões automáticos?

A escolha de um sistema de abertura de portão automático depende muito das características do imóvel. Mas não se resume somente a isso.

Vejamos quais são os fatores que impactam nessa escolha.

Espaço para instalação

O primeiro fator que deve ser considerado quando se avalia os diferentes sistemas de abertura de portões automáticos é o espaço para instalação do portão.

Isso porque, dependendo do tipo de sistema de abertura escolhido, será necessária a instalação de colunas com contrapesos nas laterais.

Isso, além de aumentar o valor do orçamento, também reduz um pouco a largura da entrada de veículos. Por isso, é preciso ponderar se o espaço restante será o suficiente para a passagem confortável de veículos.

Material do portão

Portões de diferentes materiais podem ser automatizados. Vale lembrar que um portão pode ser feito de madeira, aço inoxidável, ferro ou alumínio. Cada um desses materiais apresenta características, vantagens e desvantagens.

Dos materiais mais modernos, tanto o aço inoxidável quanto o alumínio não resultam em portões “pesados”, como é o caso de portões de madeira ou de ferro, por exemplo. Além disso, portões de alumínio não necessitam de manutenção constante, nem pintura, nem envernização, como é o caso de portões de ferro ou de madeira.

Isso também influencia na potência do motor necessária para que o portão consiga funcionar de maneira adequada.

Manutenção

Alguns portões, conforme descrevemos, necessitam de mais manutenção do que outros. Portanto, verifique se você considerou a manutenção que determinado tipo de abertura exige, antes de optar por ela.

Dessa forma, você conseguirá optar pelo melhor sistema, ideal para o seu imóvel!

Gostou do Assunto? Compartilhe com seus amigos!